Páginas

quinta-feira, 30 de outubro de 2014

Projeto Terceira Idade








Na última quarta-feira (29/10), aconteceu o "tão esperado" - conforme foi descrito pelos próprios participantes - primeiro encontro do Projeto Terceira Idade, voltado para os beneficiários que se preocupam com um envelhecimento saudável. O intuito da iniciativa foi promover uma nova perspectiva, de maneira a contribuir para a melhoria na qualidade de vida e valorização do ser social enquanto cidadão.


O projeto, criado pela Appai em 2014, consiste na realização de atividades de grupo que estimulem o debate e a reflexão sobre os principais assuntos presentes no cotidiano. A aposentada e associada Maria Tereza Silva, de 65 anos, conta que adorou essa iniciativa da Appai e pretende aprender muitas coisas. "No início sou bastante tímida, mas depois vou me soltando. Espero que, com esses encontros, eu consiga melhorar a minha comunicação e socialização", afirma.






Já o associado Jadir de Santana, de 59 anos, relata que achou muito interessante essa novidade da Appai. "Espero que nos próximos encontros aconteça exatamente o que começou hoje, essa dinâmica, interação do grupo e compartilhamento de conhecimento. Quero tirar proveito desses encontros e ter uma qualidade de vida melhor", declara o aposentado.


Inicialmente, serão realizados encontros mensais com duração de duas horas. Fique atento, em breve, mais informações. E o próximo encontro já tem data prevista para 24 de novembro. Para participar, entre em contato pelo telefone 3147-3237, de segunda a sexta-feira, das 9:00 às 18:00 ou pelo site Appai/Saúde10



Agradecimento aos associados




A Appai, através do Programa de Projetos e Ações Sociais (PPAS), desenvolve e viabiliza diversas atividades voltadas para o bem-estar de pessoas em situação de vulnerabilidade. Uma dessas ações é a doação de latas de leite, em que muitas creches e instituições são beneficiadas. Esses donativos são arrecadados através dos associados, beneficiários e funcionários da Appai, em ações realizadas pelos setores de Caminhadas e Corridas, Dança de Salão e Educação Continuada. Todo associado, beneficiário ou funcionário, ao se inscrever gratuitamente, compromete-se a trocar os benefícios auferidos nessas atividades por duas latas de leite, que são posteriormente doadas pela Appai através do PPAS.

Em agradecimento aos associados, a Fundação Pró-Hemorio enviou uma carta:


Rio de Janeiro, 16 de outubro de 2014.


À APPAI


Prezados Senhores,


Gostaríamos de manifestar profundo agradecimento por seu apoio na doação de 300 unidades de leite para o Programa Primeiros Passos, que atende crianças com Doença Falciforme.

A atitude dessa Associação nos ajuda a garantir a continuidade das ações de proteção social a pessoas em situação de vulnerabilidade, contribuindo para a adesão ao tratamento e melhoria da saúde.

A missão da Fundação, em 25 anos de existência, é fazer com que esses projetos ganhem, a cada ano, mais força e que novas ações sociais possam ser implementadas.


Atenciosamente,
Leonardo José Carvalho de Jesus
Diretor-Presidente – Fundação Pró-Hemorio


sexta-feira, 17 de outubro de 2014

Dia das Crianças é comemorado com muita alegria



Com o tema Super-heróis em "Dia das Crianças, a festa", os pacientes infantis do INCA e seus acompanhantes celebraram o seu dia. A Appai, através do Programa de Projetos e Ações Sociais (PPAS), também participou dessa grande festa. De acordo com  PPAS, a Associação apoia há anos este dia de alegria. 


Durante o evento, os atores Thiago Rodrigues, Felipe Fly, Brenda Sabryna, Victor Figueiredo, Maitê Padilha e Rafael Gevú, além do cantor Tulio Dek, subiram ao palco e conversaram com as crianças. O grupo Molejo apresentou músicas conhecidas do repertório, como a Dança da Vassoura.


MC Bochecha, presença cativa todos os anos, disse que cada edição é uma sensação e um aprendizado diferente. As crianças subiram no palco e cantaram com ele sucessos como "Só love" e "Fico assim sem você". Já a cantora Valesca Popozuda levou o auditório à loucura cantando seu grande sucesso "Beijinho no ombro". 

Para encerrar a comemoração, as crianças ganharam kits com brinquedos. O evento foi realizado graças ao trabalho da equipe do IncaVoluntário, de profissionais do INCA e às doações de pessoas físicas e jurídicas, entre elas a Appai, que neste ano fez a doação de 720 camisas, que são dadas como convites aos pacientes mirins, responsáveis e voluntários.


Em agradecimento, o Inca encaminhou uma carta para a Appai:




O horário de verão começa sábado



O horário de verão começa a valer na madrugada de sábado para domingo (19/10). À meia-noite, os relógios têm de ser adiantados em uma hora nas regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste do País. A mudança, adotada anualmente para economizar energia no horário de maior consumo, vai até 22 de fevereiro de 2015.


Este ano, o horário de verão será estendido em uma semana por causa do Carnaval. O objetivo é evitar que, em meio a um feriado, alguns esqueçam de ajustar os relógios. A estimativa é reduzir em 4,5% a demanda de energia no horário de pico, entre 18 e 21 horas, o que representa algo em torno de 2.595 megawatts.


Além da economia de energia, com o horário de verão podemos aproveitar melhor a luz solar, com dias mais longos para o lazer e maior segurança ao entardecer. Por isso, adiante seu relógio e aproveite melhor o dia!

terça-feira, 14 de outubro de 2014

Mês do outubro rosa abre espaço para a conscientização da luta contra o câncer de mama

                                                                                                 

O Movimento Outubro Rosa, criado nos Estados Unidos na década de 1990, espalhou-se pelo mundo, a fim de homenagear as mulheres que lutam contra o câncer de mama e alertar outras pessoas sobre a importância do diagnóstico precoce. Monumentos como o Cristo Redentor e a Catedral Metropolitana ganharam a iluminação rosa para lembrar à população da importância da prevenção contra a doença.

Especialistas alertam que o câncer de mama é a segunda causa de morte entre mulheres no país e, por isso, o diagnóstico precoce da doença é de extrema importância. Identificar o mais cedo possível é a melhor maneira para obter a cura, pois as chances aumentam em até 90%. O Ministério da Saúde orienta que todas as mulheres acima dos 40 anos precisam passar pela mamografia pelo menos uma vez ao ano, já que esta faixa etária apresenta a maior incidência de casos.

O sintoma mais comum de câncer de mama é o aparecimento de um caroço. Nódulos que são indolores, duros e irregulares têm mais chances de ser malignos. Outros sinais da doença incluem inchaço em parte do seio, irritação da pele ou aparecimento de irregularidades. Pode haver dor, vermelhidão ou descamação no mamilo ou pele da mama, além de caroço nas axilas. A inversão do mamilo (para dentro) também é comum.

O autoexame é o procedimento mais indicado para detectar precocemente a presença de nódulos nas mamas, além de exames clínicos e laboratoriais que auxiliam na confirmação do diagnóstico. O encaminhamento para os exames pelo SUS é feito pela secretaria municipal de saúde. Durante todo o mês de outubro, os postos de saúde orientam o público com palestras nas salas de espera, além da distribuição de fôlderes explicativos sobre a doença.



quinta-feira, 9 de outubro de 2014

SAPE



Próxima Ação: 
Alegria - As estrelas brilham no ceu encantando a todos!
SAPE - Sociedade dos Amigos da Pediatria do Hospital Gafrée e Guinle
Data: 25/10/2014
Local: Avenida Pedro II, 383 - São Cristovão

quinta-feira, 2 de outubro de 2014