Pular para o conteúdo principal

Dicas de filmes para trabalhar em sala de aula


O Blog da Appai vem com uma dica de filmes imperdíveis que, além de dar entretenimento, agrega valores em prol do conhecimento, aprendizagem e cultura!

A Menina que Roubava Livros

Sinopse

A Menina que Roubava Livros é um filme norte-americano e alemão baseado no livro homônimo do australiano Markus Zusak.
Durante a Segunda Guerra Mundial, uma jovem chamada Liesel Meminger sobrevive fora de Munique através dos livros que rouba. Ajudada pelo pai adotivo, ela aprende a ler e partilhar os livros com os amigos, incluindo um judeu que vive na clandestinidade acomodado na casa da família.

Enquanto não está lendo ou estudando, ela realiza algumas tarefas para a mãe e brinca com o amigo Rudy.


Como trabalhar em sala de aula

A Menina que Roubava Livros é um filme excelente para ser trabalhado pelo professor numa aula elaborada para o tema. O filme é um ponto de partida para pesquisas e debates que contribuam para o conhecimento do que representou a Segunda Guerra, na Alemanha.


Cisne Negro

Sinopse

Cisne Negro é um filme de suspense e drama de 2008 tendo Natalie Portman no papel principal.

Beth MacIntyre, a primeira bailarina de uma companhia, está prestes a se aposentar. O posto fica com Nina Sayers, mas ela possui sérios problemas pessoais, especialmente com sua mãe. Pressionada por Thomas Leroy, um exigente diretor, Nina passa a enxergar uma concorrência desleal vinda das colegas do balé, em especial Lilly. Em meio a tantos aborrecimentos, Nina busca uma perfeição nos ensaios para um grande desafio: interpretar a Rainha Cisne. Envolvida nessa obsessão, pode acabar com sua própria sanidade.

Cisne Negro ganhou o Oscar e o Globo de Ouro na categoria Melhor Atriz para Natalie Portman.


Como trabalhar em sala de aula

Um dos pontos-chave para ser abordado é a busca pela perfeição. O quão somos capazes de superar nossos limites? O que podemos nos tornar se conseguirmos ultrapassá-los? É justamente isso que se espera, por exemplo, no mundo em que vivemos. Os alunos podem ser submetidos a uma autoavaliação, refletindo sobre o que desejam ser e como farão para ser aquilo que sonham. Ressalte-se também que atingir objetivos não significa destruir sonhos de ninguém ou se autoconsumir pela ambição. Os estudantes devem entender que é sim preciso criar metas a serem alcançadas e, junto a elas, traçar os planos para conquistá-los.


12 Anos de Escravidão

Sinopse

12 Anos de Escravidão é um filme épico e histórico anglo-americano baseado numa autobiografia escrita em 1853.

Em 1841, Solomon Northup é um escravo liberto, que vive em paz ao lado da esposa e dos filhos na cidade de Nova York. Um dia, ao aceitar um novo emprego, que o leva para Washington D.C., ele é sequestrado, acorrentado e enviado para Louisiana. Vendido como se fosse um escravo, Solomon precisa superar as humilhações físicas e emocionais para conseguir sobreviver. Ao longo dos 12 anos, ele passa nas mãos de dois senhores, Ford e Edwin Epps, que exploram seus serviços da maneira que acham mais conveniente.

12 Anos de Escravidão foi indicado a 9 categorias do Oscar, vencendo apenas as de Melhor Filme, Melhor Atriz Coadjuvante para Lupita Nyong'o e Melhor Roteiro Adaptado.


Como trabalhar em sala de aula

Os assuntos vistos no filme podem ser tratados pelo professor para trazer o contexto ao cenário do século XXI para discutir e debater sobre um dos maiores direitos do ser humano: a liberdade.



As Vantagens de ser Invisível

Sinopse

As Vantagens de Ser Invisível é um filme norte-americano adaptado da obra de mesmo nome de Stephen Chbosky.

O filme conta sobre Charlie, um jovem que tem dificuldades para interagir com sua nova escola. Com os nervos à flor da pele, ele se sente deslocado em relação ao ambiente. A professora de literatura, no entanto, o vê como um gênio. Mas Charlie continua a pensar pouco sobre si, até o dia em que seus amigos, Patrick e Sam, passam a andar com ele.


Como trabalhar em sala de aula

Esse filme foge do clichê das produções envolvendo adolescentes, pois mostra questões como amizade, suicídio, estupro, superação e como devemos aproveitar a vida, o carpe diem.

O próprio autor, Stephen Chbosky, em uma entrevista, diz que uma ideia permeia a história, que é “por que pessoas boas se deixam ser tratadas de forma tão ruim?”. De acordo com Chbosky, a resposta é que “algumas pessoas aceitam o amor que acham que merecem ter”.

As Vantagens de Ser Invisível mostra o amadurecimento de um jovem, que lida com questões complicadas e passa por um momento difícil, pois a obra é um conto autobiográfico do autor, que, enquanto passava por dificuldades, encontrou uma maneira de expressar seus sentimentos, através da literatura, tal como o personagem Charlie.

Nas atividades em sala, os alunos podem debater sobre o amadurecimento, como se enxergam e se já estão preparados para o futuro que os aguarda. Eles também têm a oportunidade de se interessar pelo gosto literário e expor o que sentem, o que pensam e o que aguardam. Outras questões, como bullying e a perda, podem ser discutidas.



Um Sonho Possível
Sinopse

Michael Oher é um rapaz negro, filho de uma mãe viciada e de um pai suicida, que não tem onde morar. Com boa vocação para os esportes, ele é avistado por Leigh Anne Touhy andando pelas ruas para fugir da chuva. Ao ser convidado para passar a noite na casa dos milionários, Michael não faz ideia de que sua vida mudaria para sempre. A família de Leigh Anne o acolhe, fazendo dele um membro da família. Além disso, lhe dá um grande apoio, pois acredita em seu potencial no futebol americano, que o transformará num ícone do esporte.


Como trabalhar em sala de aula

Em sala de aula, os alunos, com supervisão do professor, podem fazer uma análise profunda sobre os assuntos apresentados no filme, como bondade, superação, determinação e esperança.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

A fotografia e o poder da imagem no mundo moderno

Da pintura como única forma de reproduzir o que os olhos presenciavam até as modernas maneiras de registrar a realidade, a fotografia descreveu uma trajetória cercada de muitas discussões a respeito do lugar que essa atividade deveria desempenhar no cotidiano das pessoas e no engrandecimento da cultura. O inventor francês Louis Daguerre foi o primeiro a criar algo que sugerisse a substituição dos artistas como forma de reproduzir visualmente a realidade. Em 1839 é anunciado o daguerreótipo, o primeiro ancestral das máquinas fotográficas. Na verdade muitos pesquisadores autônomos já haviam trabalhado e obtido alguns êxitos em desenvolver maneiras de reproduzir a imagem.
O mérito de Daguerre foi desenvolver uma máquina que dava início ao que iria se transformar numa das características que mais colaborariam para a popularização do ato de retratar: a possibilidade de cada pessoa poder utilizar sua própria câmera e produzir suas imagens, em substituição à habilidade individual de artistas …

Passo a passo para utilizar o Benefício Boa Viagem

Olá, associado! Ainda tem dúvidas em relação ao Benefício Boa Viagem? No post de hoje vamos esclarecer essas questões e ainda mostrar o passo a passo de como utilizar este benefício.
1 – Leia o Regulamento O primeiro passo é ler o regulamento e ficar atento às regras, cláusulas e condições do benefício. O regulamento está disponível em: http://www.appai.org.br/beneficio-boa-viagem.aspx
Site da Appai → Benefício Boa Viagem → Regulamento

2 – Pousadas Conveniadas O associado e beneficiário, regulares na Appai, deverão verificar os hotéis e pousadas no Guia do Associado ou em nosso site e fazer a sua escolha. São diversas opções de roteiros, que vão desde a calmaria da região serrana até as mais belas praias do Estado do Rio de Janeiro.
Site da Appai → Benefício Boa Viagem → Destinos e Pousadas

3 – Reservas Depois de escolher o destino e a pousada de sua preferência, o associado e/ou beneficiário deverão entrar em contato diretamente com o estabelecimento conveniado para fazer a reserva de estad…

Prestigiar o professor é o grande barato desta bienal

Conheça o trabalho de professores como você, participando das nossas tardes de autógrafo. Serão mais de 30 autores de diversos gêneros, como o colunista do blog da Appai e revisor da Revista Appai Educar, Sandro Gomes.

As três edições do Altos Papos já estão com inscrições abertas na página da Educação Continuada no Portal do Associado. Leia atentamente as condições de horário e transporte antes de confirmar sua presença.
Aproveite a visita e “seja capa” da Revista Appai Educar. Marque suas fotos com #SouAppai e apareça em nosso Facebook.
E ainda divirta-se em nosso espaço interativo e conheça um pouco mais sobre a appai.
PROGRAMAÇÃO COMPLETA


A construção da imagem de Tiradentes

Uma abordagem básica possivelmente revelará que Tiradentes é o herói preferido dos brasileiros, ficando à frente de nomes de grande apelo popular, como o líder Zumbi dos Palmares ou o arrojado D. Pedro I. Apesar de a história popularmente divulgada do Mártir da Inconfidência estar repleta de elementos de valor universal, como os ideais de liberdade e justiça, o fato é que a boa imagem do inconfidente é fruto da tentativa de acomodar esse momento da história aos objetivos de quem esteve nas proximidades do poder.
Foi na República que a imagem de Tiradentes começa a ser trabalhada de forma consciente e intencional. O movimento militar, de base positivista, que derrubou a Monarquia tinha em mente o objetivo bem explícito de atuar no imaginário da população, reduzindo a influência que o sistema colonial imprimira ao longo de mais de três séculos. Tiradentes era alferes, lutava pela instalação de um regime republicano e único condenado à morte na conspiração. Elementos, portanto, bastante i…

Para além do “terra à vista”

A “certidão de nascimento do Brasil”. É como um certo senso comum habituou-se a classificar a carta escrita pelo escrivão da expedição comandada por Pedro Álvares Cabral, que contém os primeiros e mais significativos relatos sobre a terra e seus moradores. A fama e a importância historiográfica que acabou sendo atribuída a esse documento acabariam por ocultar o fato de que uma série de outros registros igualmente importantes e informativos foi produzida nos anos próximos a 1500, data em que se deu o “achamento” das terras. Alguns desses textos revelam pontos relevantes, que têm ajudado a compor o quadro tanto quanto possível real do singular encontro entre contextos tão diferentes.
Há inclusive registro de um documento anterior à própria partida das naus cabralinas, um relatório redigido por Vasco da Gama, que deixa clara uma anterior experiência do pioneiro navegante pelas águas que seriam singradas pelas frotas de Cabral. Um detalhe importante vem à tona nesse escrito. Em meio a inst…